Compartilhe

Roosevelt Bala, o lendário líder da banda Stress, começou a trilhar sua carreira solo, levando ao público canções inéditas de sua autoria, “na linha do Hard Rock/Balada”, segundo o músico.

No dia 23 de janeiro, Roosevelt lançou seu primeiro trabalho solo: um single intitulado “O Guerreiro”, composto especialmente para o show comemorativo às suas quatro décadas de estrada.  A obra conta um pouco de sua história na música e na vida, “mas serve também para tantos outros guerreiros espalhados pelo mundo, que se identificarão com a letra, a melodia e o refrão fortíssimo!”.

Em “O Guerreiro”, Roosevelt Bala conta com Emerson Lopes (violões e guitarras), Edu Souza (teclados), Camila Barbalho (contrabaixo) e Alexandre Cunha (bateria). A música foi gravada no Voice Studio e Fábrica Studio em Belém (PA), com os técnicos de gravação Edu Souza e Kleber Chaar, e mixagem por Kleber Chaar. Já o videoclipe do single foi dirigido e produzido por Paulo Roque.

 

A paixão de Roosevelt Bala pela música  começou ainda muito cedo. Aos três anos já empunhava o cabo da vassoura e agitava seus longos cabelos lisos, ouvindo Brazilian Beatles, The Feveres , Os Incríveis, Roberto Carlos e toda a turma da “Jovem-Guarda”, artistas que dominavam a radiodifusão e os programas de TV no início dos anos 1960. Era o sinal de que a música havia encantado aquela criança e faria parte de sua vida dali para frente. Aos 15 anos,em 1975, tornou-se vocalista de uma banda formada com colegas de escola. Foi aí a sua definitiva inclusão no meio musical, o início de sua carreira como vocalista.

Conhecido pelo seu pioneirismo, o Stress quebrou barreiras e tabus para deixar seu nome entre as bandas mais importantes do cenário brasileiro. O estilo Rock Pesado, ainda pouco conhecido pelos paraenses e brasileiros, começou a ganhar força a partir de sua origem em Belém do Pará. Foram shows memoráveis que arrastavam multidões aos principais teatros e ginásios da provinciana capital. Com sucesso consolidado em Belém, R. Bala e o Stress se mudam para o Rio de Janeiro, onde trilhariam uma carreira de grande sucesso e reconhecimento. Em 1985, a banda foi contratada pela multinacional Polygram, quando lançaram seu segundo LP, “Flor Atômica”, com o qual conseguiram grande repercussão nacional, o que possibilitou à banda apresentações por vários estados do Brasil. Dali em diante, Bala e o Stress escreveriam definitivamente seus nomes na história do Rock brasileiro.

Em 2017, Roosevelt completou 40 anos de carreira, comemorados com uma apresentação histórica no Teatro da Paz, o palco mais nobre do estado do Pará. Essa apresentação resultará em um DVD, que deve ser lançado em 2018. Para este ano, também, o Stress já prepara seu quarto álbum – a banda está em estúdio finalizando as gravações dessa obra tão esperado pelos seus fãs do Brasil e do mundo.

 

Acompanhe o Stress no Facebook:
www.facebook.com/bandastress

Assessoria de Imprensa
www.blacklegionprod.com
www.facebook.com/BlackLegionProd

(Acessado 79 vezes, 1 visitas hoje)

Leave a Reply

Your email address will not be published.